Buscar: Em:
FSR OU HARDTAIL NO CROSS COUNTRY OLÍMPICO?
 

  Specialized S-Works Epic HT de Erick Bruske
Divulgação Specialized  
28/06/2017

Qual é a bicicleta mais rápida e eficiente: mountain bikes hardtail ou full suspensions? Essa é uma discussão antiga, já que a cada temporada os equipamentos evoluem e cada tipo de bike tem sua vantagem, por isso definir qual é a \"melhor\" envolve muita sensibilidade do ciclista e característica do terreno onde será usada.

Agora, quando você tem em mãos o melhor \"quiver\" de equipamentos para pedalar do mundo, fica até fácil escolher entre uma bicicleta de montanha: hardtail (traseira rígida) ou full suspension (amortecimento integral). No caso dos atletas da equipe Specialized Racing BR, Érick Bruske e Lucas Sírio, os dois jovens talentos do mountain bike nacional optaram por equipamentos distintos na disputa da Taça Brasil de XCO em Goiânia (GO) no último final de semana, e ambos foram extraordinários!

O catarinense Érick Bruske consagrou-se campeão da categoria sub-23, utilizando sua S-Works Epic HT World Cup no percurso de cross country olímpico com 7,29km de distância por volta.

\"Circuito foi muito exigente como sempre em Goiânia, onde a escolha da bike fazia toda a diferença. Apesar de grande parte da pista ser em singletrack, minha S-Works Epic HT foi super rápida nas curvas e fazia muita diferença na longa subida para a chegada\" - comenta Érick Bruske que vem evoluindo rapidamente rumo seu principal objetivo de 2017: Campeonato Brasileiro de MTB XCO no fim do mês de julho.


\"Estou sentindo que as coisas estão se encaixando e cada vez mais motivado para o Brasileiro dentro de poucas semanas. Além de dar uma atualizada no bronzeado com as marquinhas da pele, graças ao forte sol, ainda saí com um Top 10 na Super Elite, chegando ao final da prova com as pernas boas para vencer o sprint sobre o 9º e 10º colocados. na geral.\" completa Érick, que antes do Brasileiro, busca mais pontos no ranking UCI no próximo final de semana no XCO Internacional da Estrada Real - UCI Classe 2 - em Santana dos Montes (MG).


Lucas Sírio, que andou forte para finalizar na 3ª posição na categoria junior masculino, optou por competir com sua Specialized Epic FSR Expert Carbon World Cup no circuito com cerca 700 metros de desnível altimétrico por volta (350m subida/350m descida), com predomínio de 85% de trilhas em mata fechada e subidas íngremes, que exigia muita agilidade e força.

\"Após o reconhecimento da pista, senti que minha EPIC FSR EXPERT era ideal para esse circuito!\" - conta o ciclista mineiro Lucas Sírio que utilizou toda vantagem adicional fornecida pela tecnologia Brain* nos amortecedores dianteiros e traseiros com 100mm de curso.

*O que é Brain? É um sistema inteligente que consegue interpretar a diferença entre a força exercida pelas pedaladas do ciclista e os solavancos do percurso, permanecendo firme no primeiro caso e macio no segundo.


\"Fiquei muito contente com o 3º lugar na Taça Brasil de Cross Country (XCO) em Goiânia-GO! Sinto que estou voltando ao ritmo competitivo e cada vez mais animado com a preparação que está por vir para as próximas provas\" - comenta Lucas, que também tem pela frente o XCO Internacional da Estrada Real, no dia 2 de julho em Santana dos Montes (MG), prova que também vai definir o título de campeão mineiro de mountain bike cross country 2017.

Fotos
Erick Bruske   
Divulgação Specialized  
  
Divulgação Specialized  
Specialized Epic FSR Expert Carbon World Cup  
Divulgação Specialized  
Lucas Sírio  
Divulgação Specialized  

Deixe seu comentário sobre a notícia

Seu nome/apelido:
Seu comentário:
Digite o que você vê na imagem abaixo: *
   

 
Revista Dirt Action
Revista Moto Action